abox...

... indecisa com o destino de férias para verão. e triste, tão triste por encontrar esta frase por todo o lado: "lamentavelmente encontra-se indisponível para esta data. alterar datas".


eu não posso alterar datas!! tá!? :(


[pergunta: e afinal onde está a crise se está tudo cheio?]

7 "ouvintes" atentos:

W. disse...

Pelos vistos aí também não há crise!

trigolimpofarinh@mparo disse...

A crise é uma sujeita difícil de compreender; ora existe, ora não subsiste mas talvez neste caso particular tenha viajado até ao México, porventura até à Argentina, quiçá Espanha, quem diz Inglaterra ou provavelmente para os E.U.A e Canadá, e deixou em paz certos sítios recatados no nosso Portugal.

Mas uma coisa é certa, a crise é tal e qual a riqueza, ou seja, estão ambas muito mal distribuídas.

Rita disse...

marcar ferias em cima da hora n é aconselhável. mas a mim tbem m irrita. nem sei o q vou fazer amanha, qt mais...

Joana disse...

Dinheiro há, está é mal distribuido!

volteface.book disse...

Há muito poiso por descobrir. A solução é pensar naquilo que nunca pensámos.

bunny disse...

boa questao!!!!

abox disse...

volteface, tipo??

a ouvinte

a ouvinte do bikini laranja (dos chuveiros de vilar de mouros com o malato das manhãs da 3). uma "personagem" que nasceu e cresceu no programa das manhãs da 3 em 2003. como o malato. o diogo beja. a ana lamy. e o peixoto. ela participava activamente no programa. ela fez partidas aos chefe. ela recebeu telefonemas em directo. liam os emails dela em directo. ela recebeu partidas feitas por eles. ela participou numa comunidade na net. ela participou em encontros de fãs do programa. ela fez amigos reais. ela foi aos estudios da rádio. ela conheceu ao vivo todos os seu ídolos excepto o maltato. e ela, a ouvinte, sou eu. uma fã da rádio portuguesa.
ouvinte(s)

arquivo